Não Sejas Demasiadamente Justo!

NÃO SEJAS DEMASIADAMENTE JUSTO!

 

        Deus jamais ensinou o perfeccionismo, mas muitas pessoas, até bem intencionadas, agem como se fosse possível alcançar a perfeição na vida delas e de outros. Isso se chama legalismo e, por essa razão, os fariseus foram repreendidos por Jesus. Este grupo religioso exigia que as suas tradições religiosas (que eram válidas para determinadas épocas) fossem observadas como dogmas imutáveis. Este perfeccionismo os levou a odiar pessoas e a serem odiados, pois para observar uma tradição, eles tinham que quebrar ensinamentos mais importantes da lei, como o amor, a longanimidade e a paciência. Jesus deixou bem claro que quem busca perfeição na vida de outras pessoas se torna um religioso inconsistente: Condutores cegos! que coais um mosquito e engolis um camelo(Mateus 23:24). O mosquito se refere aos nossos usos e costumes que utilizamos para uma melhor representação de Deus sobre a Terra, mas o camelo, que é muito maior que um mosquito, representa cada faceta do fruto do Espírito, sendo o amor o pilar de todos eles.

        Uma pessoa sistemática tem a tendência de enfatizar regras ao invés de atitudes, atividades ao invés de pessoas e vontade própria ao invés de doutrinas. Os fariseus misturavam regras com tradições e obrigavam as pessoas a observarem certos rituais, como o de lavar as mãos, dando a entender que não fazê-los era um pecado mortal aos olhos de Deus. Assim como os fariseus, igrejas excelentes às vezes se excedem em suas exigências, destruindo a fé, já fraca, de alguns irmãos que não estão prontos para frequentarem todos os cultos, usarem as roupas adequadas para certas atividades, chegarem pontualmente nos horários e, principalmente, contribuírem com as suas ofertas e talentos. Cada pessoa precisa de seu tempo para amadurecer e algumas nunca alcançarão este amadurecimento, mas cabe à igreja não desanimá-las.

        A igreja não pode minimizar o pecado que levou o Senhor Jesus Cristo a padecer no Calvário, mas ela também não pode exigir perfeição de seus membros. Ela só pode ensinar sobre obediência e santificação no tempo de Deus e para a glória de Deus:Não sejas demasiadamente justo, nem demasiadamente sábio; por que te destruirias a ti mesmo?” (Eclesiastes 7:16).

 

Rômulo Weden Ribeiro