A Vida Eterna

A VIDA ETERNA

 

        Desde a Torre de Babel até os faraós do Egito, o homem sempre anelou pela vida eterna. Ninguém gosta de morrer; no entanto, todos os homens, animais e plantas precisam morrer porque o salário do pecado é a morte. O mundo biológico e o mundo inanimado foram contaminados pelo pecado. Daí, as catástrofes naturais e imprecatórias que abalam de tempo em tempo o planeta em que vivemos. Mas há vitória, agora e depois, para aqueles que entregam as suas vidas nas mãos de Jesus: “Ora, o aguilhão da morte é o pecado, e a força do pecado é a lei. Mas graças a Deus que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo” (I Coríntios 15:56-57).

        Nós vivemos com a certeza absoluta de que iremos morrer. Só não sabemos quando e como. Apesar desta realidade brutal, muitos homens insistem em aproveitar a vida sem Deus, sem a Bíblia e sem a igreja como que se não houvesse uma linha de chegada. Além dos ateus funcionais, o mundo também está cheio de pessoas que adoram e servem a si mesmas ou aos ídolos do dinheiro e do prazer. Jesus veio ao mundo para mostrar que Ele é o único caminho para a vida eterna bem como a única solução para a morte: “Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá” (João 11:25).

        A Bíblia relata algumas pessoas que foram ressuscitadas e puderam viver alguns anos a mais; porém, até o presente momento, somente Jesus Cristo ressuscitou dentre os mortos e recebeu um corpo glorificado que irá durar por toda a eternidade. Esta é a ressurreição que nos aguarda! Paulo disse: “E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória” (I Coríntios 15:54).

        Todos os seres humanos serão ressuscitados um dia, mas a pergunta mais importante a se fazer é esta: de qual ressurreição você fará parte? “E muitos dos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para vida eterna, e outros para vergonha e desprezo eterno” (Daniel 12:2). A vida eterna se refere ao Céu e aos salvos. A vergonha e o desprezo eterno se referem ao Inferno e aos perdidos. Durante a vida terrena, o homem escolhe onde passará a sua eternidade!

 

Rômulo Weden Ribeiro